Feeds:
Posts
Comentários

Archive for outubro \31\-03:00 2007

Cuide do seu jardim…

“Quando depositamos muita confiança ou expectativas em uma pessoa, o risco de se decepcionar é grande. As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas, assim como não estamos aqui, para satisfazer as delas. Temos que nos bastar… nos bastar sempre e
quando procuramos estar com alguém, temos que nos conscientizar de que estamos juntos porque gostamos, porque queremos e nos sentimos bem, nunca por precisar de alguém.

As pessoas não se precisam, elas se completam… não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objetivos comuns, alegrias e vida. Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com a outra pessoa, você precisa em primeiro lugar, não precisar dela.

Percebe também que aquela pessoa que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente, não é o homem ou a mulher de sua vida. Você aprende a gostar de você, a cuidar de você, e principalmente, a gostar de quem gosta de você.

“O segredo é não correr atrás das borboletas… É cuidar do jardim para que elas venham até você.”

No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!”

********Mario Quintana********

Read Full Post »

Mudanças…

“Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, anjo.jpg
muda-se o ser, muda-se a confiança;
todo o mundo é composto de mudança,
tomando sempre novas qualidades.

Continuamente vemos novidades,
diferentes em tudo da esperança;
do mal ficam as mágoas na lembrança,
e do bem (se algum houve), as saudades.

O tempo cobre o chão de verde manto,
que já coberto foi de neve fria,
e, enfim, converte em choro o doce canto.

E, afora este mudar-se cada dia,
outra mudança faz de mor espanto,
que não se muda já como soía.”

Luís Vaz de Camões
(Mudam-se os Tempos, soneto escrito a mais de 400 anos)

Read Full Post »

Alma….

Minha alma tem
o peso da luz.
Tem o peso
da música,
Tem o peso da
palavra nunca
dita, prestes quem sabe a ser dita. Tem o peso de uma lembrança, tem
o peso de uma saudade
Tem o peso de um olhar.
Pesa como
pesa uma
ausência
E a lágrima
que não se
chorou. Tem
o imaterial
peso de uma
solidão no meio de outros.”

Clarice Lispector

Read Full Post »

Universo

universo2.jpg

“O homem é parte de um Todo chamado por ele mesmo de
Universo: uma pequena parte, limitada no tempo e espaço.
Ele se vê como algo separado do resto.
Ilusão que o limita a desejos pessoais, condicionando sua
afetividade a algumas e poucas pessoas de sua tribo.
Libertar-se desta prisão deveria ser o objetivo, aumentando
o círculo de compaixão para amar todas as criaturas vivas e
a natureza, em toda a sua beleza e magnitude”
.

Albert Einstein

 

* Considerado um dos maiores gênios da humanidade, Albert Einstein (Ulm, 14 de março de 1879 – Princeton, 18 de abril de 1955), ganhou o Prêmio Nobel da Física em 1921. Ironicamente, apesar de se posicionar de maneira veemente contra a produção de armas de destruição em massa, seus estudos teóricos possibilitaram o desenvolvimento da energia atômica, cujos desdobramentos são do amplo conhecimento de todos…

Read Full Post »

Canto

Canto quando o sol me aquececanario.jpg
Ou quando nada faz sentido

Quando encontro o meu caminho
Ou quando me sinto perdido

Quando estou amando
Quando o amor me esquece
Quando sonho tanto
E nada me acontece

Quando estou no fundo

Quando me salva a sorte
Quando me perco no mundo
Pra não pensar na morte

Canto e nem sei porque canto
Entre lágrimas e risos
Canto de tanto espanto
Pra não perder o juízo”

Silvio Ribeiro de Castro

Read Full Post »

Meditando…

“Se você quer transformar o mundo, meditando-a-beira-rio.jpg
experimente primeiro promover o seu
aperfeiçoamento pessoal e realizar
inovações no seu próprio interior.
Estas atitutes se refletirão em mudanças
positivas no seu ambiente
familiar.
Deste ponto em diante, as mudanças se
expandirão em proporções cada vez maiores.

Tudo o que fazemos produz efeito
, causa algum impacto.”
(Dalai Lama)

Read Full Post »

Que mundo maravilhoso!!!

What a wonderful world

 

snoopy1.jpg

I see trees of green, red roses too
I see them bloom for me and you
And I think to myself, what a wonderful world
I see skies of blue and clouds of white
The bright blessed day, the dark sacred night
And I think to myself, what a wonderful world
The colors of the rainbow, so pretty in the sky
Are also on the faces of people going by
I see friends shaking hands, saying, “how do you do?”
They’re really saying, “I love you”
I hear babies cry, I watch them grow
They’ll learn much more, than I’ll never know
And I think to myself, what a wonderful world

 

 

(Composição: Bob Thiele; George David Weiss)

Read Full Post »

One Art

“A arte de perder não é difícil de dominar…
Tantas coisas parecem feitas
com o intuito de serem perdidas

Que sua perda não é um desastre.
Perca alguma coisas todos os dias.
Aceite o contratempo de perder as chaves da porta.
A hora mal gasta.
A arte de perder não é nenhum desastre.
Depois perca mais rápido com mais critério:
Lugares, nomes, a escala subsequente
Da viagem não feita. Nada disso é um desastre.
Perdi o relógio da minha mãe. E olhe! nem quero
lembrar a perda de três casas excelentes.
A arte de perder não é nenhum mistério.
Perdi duas cidades, encantadoras. E, mais vasto,
alguns reinos
Que eu possuí, dois rios, um continente.

Eu os perdi. Mais não foi um desastre.
Até mesmo perder você
( a voz zombeteira,
um gesto que eu adoro).
Eu não terei mentido.
É evidente que a arte de perder
não é muito difícil de dominar,

Embora possa parecer (escreva)
como sendo um desastre.”

One Art – Elizabeth Bishop- poeta americana (1911/1979)

Read Full Post »

PARA DESCONTRAIR…

22 COISAS QUE VOCÊ NÃO PODE MORRER SEM SABER!!!

01 – O nome completo do Pato Donald é Donald Fauntleroy Duck.
02 – Em 1997, as linhas aéreas americanas economizaram US$ 40.000
eliminando uma azeitona de cada salada.
03 – Uma girafa pode limpar suas próprias orelhas com a língua.
04 – Milhões de árvores no mundo são plantadas acidentalmente por
esquilos que enterram nozes e não lembram onde eles as esconderam.
05 – Comer uma maçã é mais eficiente que tomar café para se manter acordado
06 – As formigas se espreguiçam pela manhã quando acordam. 0
7 – As escovas de dente azuis são mais usadas que as vermelhas.
08 – O porco é o único animal que se queima com o sol além dohomem.
09 – Ninguém consegue lamber o próprio cotovelo,
é impossível tocá-lo com a própria língua.
10 – Só um alimento não se deteriora: o mel.
11 – Os golfinhos dormem com um olho aberto.
12 – Um terço de todo o sorvete vendido no mundo é de baunilha.

13 – Os destros vivem, em média, nove anos mais que os canhotos.
14 – O “quack” de um pato não produz eco, e ninguém sabe porquê.
15 – O músculo mais potente do corpo humano é a língua.
16 – É impossível espirrar com os olhos abertos.
17 – “J” é a única letra que não aparece na tabela periódica.
18 – Uma gota de óleo torna 25 litros de água imprópria para oconsumo.
19 – Os chimpanzés e os golfinhos são os únicos animais capazes de se reconhecer
na frente de um espelho.
20 – Rir durante o dia faz com que você durma melhor à noite.
21 – 40% dos telespectadores do Jornal Nacional dão boa-noite ao
William Bonner no final.

A ULTIMA É A MELHOR!!!
22 – Aproximadamente 70 % das pessoas que lêem esta mensagem tentam lamber o cotovelo.

Read Full Post »

shaw.jpg

 

“Liberdade significa

responsabilidade.

É por isso que tanta gente

tem medo dela.”

 

 

 

 

 

 

George Bernard Shaw (1856–1950)
– escritor, jornalista e dramaturgo irlandes,
ganhador do Prêmio Nobel de Literatura em 1925, mas o recusou.

Read Full Post »

Desejos…

 

feliz2.gif
Desejo a você
Fruto do mato

Cheiro de jardim
Namoro no portão
Domingo sem chuva

Segunda sem mau humor
Sábado com seu amor
Filme do Carlitos
Chope com amigos
Crônica de Rubem Braga
Viver sem inimigos
Filme antigo na TV
Ter uma pessoa especial
E que ela goste de você
Música de Tom com letra de Chico
Frango caipira em pensão do interior
Ouvir uma palavra amável
Ter uma surpresa agradável
Ver a Banda passar
Noite de lua Cheia

Rever uma velha amizade

Ter fé em Deus

Não Ter que ouvir a palavra não

Nem nunca, nem jamais e adeus.

Rir como criança

Ouvir canto de passarinho

Sarar de resfriado

Escrever um poema de Amor

Que nunca será rasgado

Formar um par ideal

Tomar banho de cachoeira

Pegar um bronzeado legal
Aprender uma nova çanção
Esperar alguém na estação

Queijo com goiabada
Pôr-do-Sol na roça
Uma festa

Um violão
Uma seresta
Recordar um amor antigo
Ter um ombro sempre amigo

Bater palmas de alegria
Uma tarde amena
Calçar um velho chinelo
Sentar numa velha poltrona
Tocar violão para alguém
Ouvir a chuva no telhado
Vinho branco
Bolero de Ravel
E muito, muito carinho meu.

Carlos Drummond de Andrade

Read Full Post »

 

 

060601_pink-floyd.jpg

Wish You Were Here

So, so you think you can tell
Heaven from Hell,
Blue skies from pain
Can you tell a green field
From a cold steel rail?
A smile from a veil?
Do you think you can tell?
And did they get you to trade
Your heroes for ghosts?
Hot ashes for trees?
Hot air for a cool breeze?
Cold confort for change?
And did you exchange
A walk on part in the war
For a lead role in a cage?
How I wish, how I wish you were here
We’re just two lost souls
Swimming in a fish bowl,
Year after year,
Running over the same old ground.
What have we found?
The same old fears
Wish you were here

Pink Floyd

*Uma das mais importantes bandas de rock de todos os tempos, o Pink Floyd, como muitas outras do gênero, começou com a união de amigos universitários que, a princípio faziam um folk-rock despretensioso. Com a entrada de Syd Barret, que era compositor, pintor, artista performático e consumidor inveterado de drogas, a banda tomou um caráter lisérgico que a aproximou do rock progressivo. O experimentalismo foi posto parcialmente de lado com a saída de Syd, por decorrência das drogas. Roger Waters e David Gilmour (este, mais posteriormente) assumiram as composições, tornando a banda mais próxima do pop e levando-a ao status de maior fenômeno de vendagens do rock progressivo.

Read Full Post »

Caráter e Reputação

“Às circunstâncias entre as quais você vive determinam sua reputação.

A verdade em que você acredita determina seu caráter.

A reputação é o que acham que você é.

O caráter é o que você realmente é…

A reputação é o que você tem quando chega a uma comunidade nova.

O caráter é o que você tem quando vai embora…

A reputação é feita em um momento.

O caráter é construído em uma vida inteira…

A reputação torna você rico ou pobre.

O caráter torna você feliz ou infeliz…

A reputação é o que os homens dizem de você junto à sua sepultura.

O caráter é o que os anjos dizem de você diante de Deus.”

(Poema de William Davis)

Read Full Post »

Céu estrelado…

starry-1.jpg

Starry night over the Rhone (1888) – Vincent van Gogh

“Tenho uma necessidade terrível de … religião. Então saio à noite e pinto as estrelas”.
“Não sei nada com certeza, a não ser que ver as estrelas me faz sonhar”.
( Van Gogh )

*Vincent Willem van Gogh (Zundert 30 de Março de 1853 — Auvers-sur-Oise, 29 de Julho de 1890) foi um pintor holandês, considerado o maior de todos os tempos desde Rembrandt, apesar de durante a sua vida ter sido marginalizado pela sociedade.
Van Gogh foi mesmo pioneiro na ligação das tendências impressionistas com as aspirações modernistas.

Read Full Post »

L.I.V.R.O

livro1.jpg

Um novo e revolucionário conceito de tecnologia de informação

Na deixa da virada do milênio, anuncia-se um revolucionário conceito de tecnologia de informação, chamado de Local de Informações Variadas, Reutilizáveis e Ordenadas – L.I.V.R.O.
L.I.V.R.O. representa um avanço fantástico na tecnologia. Não tem fios, circuitos elétricos, pilhas. Não necessita ser conectado a nada nem ligado. É tão fácil de usar que até uma criança pode operá-lo. Basta abri-lo!
Cada L.I.V.R.O. é formado por uma seqüência de páginas numeradas, feitas de papel reciclável e capazes de conter milhares de informações. As páginas são unidas por um sistema chamado lombada, que as mantêm automaticamente em sua seqüência correta.
Através do uso intensivo do recurso TPA – Tecnologia do Papel Opaco – permite-se que os fabricantes usem as duas faces da folha de papel. Isso possibilita duplicar a quantidade de dados inseridos e reduzir os seus custos pela metade!
Especialistas dividem-se quanto aos projetos de expansão da inserção de dados em cada unidade. É que, para se fazer L.I.V.R.O.s com mais informações, basta se usar mais páginas. Isso, porém, os torna mais grossos e mais difíceis de serem transportados, atraindo críticas dos adeptos da portabilidade do sistema.
Cada página do L.I.V.R.O. deve ser escaneada opticamente, e as informações transferidas diretamente para a CPU do usuário, em seu cérebro. Lembramos que quanto maior e mais complexa a informação a ser transmitida, maior deverá ser a capacidade de processamento do usuário.
Outra vantagem do sistema é que, quando em uso, um simples movimento de dedo permite o acesso instantâneo à próxima página. O L.I.V.R.O. pode ser rapidamente retomado a qualquer momento, bastando abri-lo. Ele nunca apresenta “ERRO GERAL DE PROTEÇÃO”, nem precisa ser reinicializado, embora se torne inutilizável caso caia no mar, por exemplo.
O comando “browse” permite fazer o acesso a qualquer página instantaneamente e avançar ou retroceder com muita facilidade. A maioria dos modelos à venda já vem com o equipamento “índice” instalado, o qual indica a localização exata de grupos de dados selecionados.
Um acessório opcional, o marca-páginas, permite que você faça um acesso ao L.I.V.R.O. exatamente no local em que o deixou na última utilização mesmo que ele esteja fechado. A compatibilidade dos marcadores de página é total, permitindo que funcionem em qualquer modelo ou marca de L.I.V.R.O. sem necessidade de configuração.
Além disso, qualquer L.I.V.R.O. suporta o uso simultâneo de vários marcadores de página, caso seu usuário deseje manter selecionados vários trechos ao mesmo tempo. A capacidade máxima para uso de marcadores coincide com o número de páginas.
Pode-se ainda personalizar o conteúdo do L.I.V.R.O. através de anotações em suas margens. Para isso, deve-se utilizar um periférico de Linguagem Apagável Portátil de Intercomunicação Simplificada – L.A.P.I.S. Portátil, durável e barato, o L.I.V.R.O. vem sendo apontado como o instrumento de entretenimento e cultura do futuro. Milhares de programadores desse sistema já disponibilizaram vários títulos e upgrades utilizando a plataforma L.I.V.R.O.

*Millôr Fernades *

Read Full Post »

Instantes…

Se eu pudesse novamente viver a minha vida,
na próxima trataria de cometer mais erros.
Não tentaria ser tão perfeito,

relaxaria mais, seria mais tolo do que tenho sido.
Na verdade, bem poucas coisas levaria a sério.
Seria menos higiênico. Correria mais riscos,
viajaria mais, contemplaria mais entardeceres,
subiria mais montanhas, nadaria mais rios.
Iria a mais lugares onde nunca fui,
tomaria mais sorvetes e menos lentilha,
teria mais problemas reais e menos problemas imaginários.

Eu fui uma dessas pessoas que viveu sensata
e profundamente cada minuto de sua vida;
claro que tive momentos de alegria.
Mas se eu pudesse voltar a viver trataria somente
de ter bons momentos.

Porque se não sabem, disso é feita a vida,
só de momentos; não percam o agora.
Eu era um daqueles que nunca ia
a parte alguma sem um termômetro,
uma bolsa de água quente, um guarda-chuva
e um pára-quedas e, se voltasse a viver, viajaria mais leve.

Se eu pudesse voltar a viver,
começaria a andar descalço no começo da primavera
e continuaria assim até o fim do outono.
Daria mais voltas na minha rua,
contemplaria mais amanheceres e brincaria com mais crianças,
se tivesse outra vez uma vida pela frente.
Mas, vejam, tenho 85 anos e estou morrendo”

Jorge Luís Borges

Read Full Post »

Chuva….

chuva1.jpg

Cai chuva do céu cinzento
Que não tem razão de ser.
Até o meu pensamento
Tem chuva nele a escorrer.
Tenho uma grande tristeza

Acrescentada à que sinto.
Quero dizer-ma mas pesa
O quanto comigo minto.
Porque verdadeiramente

Não sei se estou triste ou não,
E a chuva cai levemente
(Porque Verlaine consente)
Dentro do meu coração.

Fernando Pessoa

Read Full Post »

Momentos…

kima126.jpg“Não te guies só pelas aparências

elas podem te enganar…

Não busque apenas a riqueza,

isto também devanece…

Busque por aquela pessoa que te faça sorrir…

Basta um sorriso para que se tenha luz num dia escuro 

E se este sorriso abrir o teu coração,

Pode estar certo de que finalmente o  amor chegou… “

 (portaldarte.com.br)

Read Full Post »

Simplicidade…

imagem-313.jpg“Alguns poetas cantam as estrelas
Outros mistérios abissais
Até há os que ninguém entende
Mas são do grande baralho
Quanto a mim, poeta chinfrim,
Coube cavar o dia a dia
Na ilusão de encontrar
Entre o refugo e o cascalho
Uma lasquinha de poesia.”

(Ulisses Tavares)

* Esse poema é tão simples e tão verdadeiro. Nesse mundo, onde cada dia é mais difícil sorrir, e temos tantos problemas a resolver, procuramos no nosso dia a dia uma lasquinha de poesia para nos dar força e ajudar a enfrentá-lo…

Read Full Post »

Você não está sozinho…

Everybody Hurts

juntos.jpg

When your day is long
And the night – the night is yours alone
When you’re sure you’ve had enough of this life
Hang on

Don’t let yourself go
‘cause everybody cries
and everybody hurts, sometimes

Sometimes everything is wrong
Now it’s time to sing along
When your day is night alone (hold on, hold on)
If you feel like letting go (hold on)
If you think you’ve had too much of this life
Hang on

‘Cause everybody hurts
Take comfort in your friends
Everybody hurts
Don’t throw your hand, oh no
Don’t throw your hand
If you feel like you’re alone
no, no, no, you’re not alone

If you’re on your own in this life
The days and nights are long
When you think you’ve had too much of this life, to hang on

Well, everybody hurts
sometimes, everybody cries
And everybody hurts, sometimes
But everybody hurts, sometimes
So hold on, hold on, hold on, hold on, hold on,
hold on, hold on, hold on

Everybody hurts

You’re not alone

( R.E.M – Automatic For The People- 1992)

 *Originado de uma amizade escolar entre o baixista Mike Mills e o baterista Bill Berry, o R.E.M. moldou-se em sua formação original quando Michael Stipe e Peter Buck foram convidados para integrar a banda. Começando a tocar covers de Searchers e Sex Pistols no início dos anos 80, já no primeiro álbum, de 81, conseguiram alguma repercussão recebendo elogios da crítica. Seguiram a trajetória ascendente emplacando inúmeros sucessos e consolidando-se como uma das mais populares bandas de rock. Estiveram pela primeira vez apresentando-se no Brasil na 3ª versão do Rock In Rio.

Read Full Post »

Fala-nos do amor…

“Quando o amor vos fizer sinal, segui-o;
ainda que os seus caminhos sejam duros e difíceis.
E quando as suas asas vos envolverem, entregai-vos;
ainda que a espada escondida na sua plumagem vos possa ferir.
E quando vos falar, acreditai nele;
apesar de a sua voz poder quebrar os vossos sonhos
como o vento norte ao sacudir os jardins.
Porque assim como o vosso amor
vos engrandece, também deve crucificar-vos
E assim como se eleva à vossa altura e acaricia os ramos mais frágeis
que tremem ao sol,
também penetrará até às raízes
sacudindo o seu apego à terra.
Como braçadas de trigo vos leva.
Malha-vos até ficardes nus.
Passa-vos pelo crivo
para vos livrar do joio.
Mói-vos até à brancura.
Amassa-vos até ficardes maleáveis.
Então entrega-vos ao seu fogo,
para poderdes ser o pão sagrado no festim de Deus.
Tudo isto vos fará o amor,
para poderdes conhecer os segredos do vosso coração,
e por este conhecimento vos tornardes o coração da Vida.
Mas, se no vosso medo,
buscais apenas a paz do amor,
o prazer do amor,
então mais vale cobrir a nudez
e sair do campo do amor,
a caminho do mundo sem estações,
onde podereis rir,
mas nunca todos os vossos risos, e chorar,
mas nunca todas as vossas lágrimas.
O amor só dá de si mesmo,
e só recebe de si mesmo.
O amor não possui nem quer ser possuido.
Porque o amor basta ao amor.
E não penseis que podeis guiar o curso do amor;
porque o amor, se vos escolher, marcará ele o vosso curso.
O amor não tem outro desejo senão consumar-se.
Mas se amarem e tiverem desejos, deverão se estes:
Fundir-se e ser um regato corrente
a cantar a sua melodia à noite.
Conhecer a dor da excessiva ternura.
Ser ferido pela própria inteligência do amor,
e sangrar de bom grado e alegremente.
Acordar de manhã com o coração cheio e agradecer outro dia de amor.
Descansar ao meio dia e meditar no êxtase do amor.
Voltar a casa ao crepúsculo e adormecer tendo no coração
uma prece pelo bem amado,
e na boca, um canto de louvor.

( Khalil Gibran )

Read Full Post »

Guardador de Rebanhos

paisagem056.jpg

 

Sou um guardador de rebanhos.

O rebanho é os meus pensamentos

E os meus pensamentos são todos sensações.

Penso com os olhos e com os ouvidos

E com as mãos e os pés

E com o nariz e a boca

Pensar uma flor é vê-la e cheirá-la

E comer um fruto é saber-lhe o sentido.


Por isso quando num dia de calor

Me sinto triste de gozá-lo tanto,

E me deito ao comprido na erva,

E fecho os olhos quentes,

Sinto todo o meu corpo deitado na realidade,

Sei a verdade e sou feliz.

               Fernando Alberto Reis de Campos Pessoa    1888 – 1935

Read Full Post »

Seiscentos e Sessenta e Seis

3182.jpgA vida é uns deveres que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são 6 horas: há tempo…
Quando se vê, já é 6ª feira…
Quando se vê, passaram 60 anos…
Agora, é tarde demais para ser reprovado…
E se me dessem – um dia – uma outra oportunidade,
eu nem olhava o relógio
seguia sempre, sempre em frente….

E iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas.”

Mário Quintana

Read Full Post »

A LISTA

Faça uma lista de grandes amigosmenina.JPG
Quem você mais via há dez anos atrás…
Quantos você ainda vê todo dia?
Quantos você já não encontra mais?
Faça uma lista dos sonhos que tinha…
Quantos você desistiu de sonhar?
Quantos amores jurados pra sempre…
Quantos você conseguiu preservar?
Onde você ainda se reconhece,
Na foto passada ou no espelho de agora?
Hoje é do jeito que achou que seria?
Quantos amigos você jogou fora…
Quantos mistérios que você sondava,
Quantos você conseguiu entender?
Quantos defeitos sanados com o tempo, Era o melhor que havia em você? Quantas mentiras você condenava,
Quantas você teve que cometer? Quantas canções que você não cantava,
Hoje assobia pra sobreviver…
Quantos segredos que você guardava,
Hoje são bobos ninguém quer saber…
Quantas pessoas que você amava
Hoje acredita que amam você?

 

Oswaldo Montenegro

Read Full Post »